De tempo ao tempo


Olá tempo meu velho amigo, se lembra quando eu sempre reclamava de uma certa dor que sentia? Eu costumava pensar que aquela ferida nunca iria se curar, loucura não é mesmo? Era tudo tão confuso, você estava andando tão devagar!
Era uma dor tão grande que me via parada em algum lugar da vida imóvel sem poder correr, respirar, pensar ou sequer viver.
Sempre ouvi que o tempo cura todas as feridas porém não acreditava que isso era possível.
Mas agora vejo que você passou tão depressa e não sinto mais nada. Hoje aquela ferida é apenas algo que costumava estar ali e agora já não está mais, uma cicatriz foi a única coisa que ela deixou.
Cicatriz eu carrego como uma medalha de honra por mais uma batalha que me trouxe grande aprendizado, que me fez crescer. 
Ah! Eu era tão ingênua. Costumava a pensar que tudo duraria para sempre, sendo coisas boas ou ruins, mais me enganei e me enganei muito hein!
Obrigada por tudo.

                                             Caroline Paixão!


© Nome do seu Blog - 2016 | Todos os direitos reservados.
Desenvolvimento por: Jaque Design | Tecnologia do Blogger.
imagem-logo